Site Autárquico de Alcobaça

Casa Museu Vieira Natividade

Implantada em pleno Rossio de Alcobaça encontra-se a Casa Museu Vieira Natividade, local de onde fazem parte as coleções de arqueologia, etnografia, artes plásticas, fotografia, têxteis e cerâmica pertencente ao espólio doado pela família ao Estado português.

De referir que do valiosíssimo arquivo bibliográfico fazem parte obras pertencentes à antiga Biblioteca do Mosteiro que estiveram na posse da família desde o período das guerras liberais.

Manuel Vieira Natividade (1860-1918) representa porventura a mais notável figura de Alcobaça. Descendente de uma família de camponeses, nasceu em 1860 no Casal do Rei, freguesia de São Vicente de Aljubarrota. As suas origens, não sendo pobres, não eram abastadas. No entanto, e porque os dotes de inteligência de Manuel Natividade não escaparam à observação da sua mãe, esta procurou afastá-lo da vida agrícola e orientá-lo para os estudos: em 1886, diplomou-se em Farmácia pela Universidade de Coimbra. Era um homem do interior, formado em Coimbra mas sempre ligado à Estremadura, de modos cultos e educados. Escritor, etnólogo, e arqueólogo, realizou uma obra notável de índole regionalista, nomeadamente com trabalhos sobre a Pré-História e a História de Alcobaça e com a interpretação iconográfica dos túmulos de D. Pedro I e D. Inês de Castro.

A Casa-Museu Vieira Natividade foi criada por decreto-lei publicado em 1992 após a doação do imóvel por parte da família e desde então é tutela da Secretaria de Estado da Cultura. Infelizmente, mais de vinte anos volvidos da sua doação, continua fechada ao público por motivos que se relacionam ainda com a inexistência das condições necessárias para a sua fruição turística e cultural.

Contactos

Newsletter